• Pesquisar
  • Categorias

Renegociação de dívidas

Última actualização em 13 /12 /2013.

Quando sente que as suas finanças estão desequilibradas, a primeira coisa a fazer é actuar. Sozinho ou com ajuda, o importante é não deixar que as dívidas tomem conta da sua vida. A renegociação de dívidas orientada por profissionais pode salvar a sua estabilidade.

Renegociação de dívidas

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.

A crise e o endividamento

O endividamento e as dificuldades em cumprir com as obrigações financeiras são cada vez mais problemas comuns nas famílias portuguesas que veem o fantasma da crise lhes roubar a estabilidade e equillíbrio financeiros. Existem, no entanto, algumas alternativas antes da entrada num processo de penhoras ou mesmo de insolvência pessoal. O primeiro passo é reconhecer a sua instabilidade financeira. Depois, procure alternativas, que dependendo da gravidade da situação podem passar pela renegociação de dívidas, crédito consolidado ou insolvência pessoal.

 

Ainda não entrou em incumprimento?

» Renegociação de dívidas: São muitos os motivos que podem levar a que não consiga cumprir o pagamento das suas dívidas. O desemprego, por exemplo, é um dos grandes responsáveis pela situação. Num casal, se um dos elementos perde o emprego, as consequências são evidentes; pior ainda, em casos em que ambos ficam desempregados e que a capacidade de pagarem as prestações é ínfima ou quase nula.

Em casos que consegue antever que vai deixar de conseguir pagar, actue de imediato. Não deixe que as dívidas se acumulem, não permita que o seu nome vá para a lista negra do Banco de Portugal. Conseguindo antecipadamente evitar que entre em incumprimento, poderá estar ainda em posição de juntar todas as suas prestações mensais, aumentando assim o prazo de pagamento (e consequentemente os juros), mas conseguindo acima de tudo, fazer face às suas despesas mensais. A renegociação de dívidas pode ser, assim, uma alternativa para fazer evitar a espiral de incumprimento. Lembre-se que se ainda não entrou em incumprimento, poderá conseguir sair desta fase, evitando processos de penhoras ou insolvência.

 

Tem o nome no Banco de Portugal?

» Renegociação de dívidas: Neste caso, uma vez que o seu nome já está referenciado no Banco de Portugal, não pode recorrer ao crédito consolidado como uma solução financeira. No entanto, dependendo do avançado do seu processo, pode e deve, contactar as suas entidades credoras e tentar renegociar a sua dívida de forma a poder reequilibrar a situação. No caso de já ter tentado fazê-lo sem sucesso, entre em contacto com empresas especializadas na renegociação de dívidas: aqui poderá obter ajuda especializada para que possa negociar melhores condiçoes de pagamento e reestrutrar a sua situação financeira.

Não há, no entanto, soluções milagrosas. Se o seu rendimento for defintitivamente inferior às suas prestações, equacione outras soluções ou alternativas, como a insolvência pessoal. De qualquer forma, a primeira questão que deve fazer é: qual o melhor caminho a seguir para o seu caso? Como consigo manter a dignidade de vida e do meu agregado familiar?

Outras soluções de Renegociação de dívidas que lhe podem interessar:

Renegociação de dívidas - Analise cada um dos produtos apresentados:

Renegociação de dívidas - O seu comparador de produtos:

Produto Mais vistos Detalhes
Mais informação

Em casos em que parece tudo estar perdido, a Private Solutions pode mostrar-lhe a saída que tanto procura. Renegoceie as suas dívidas e comece de novo. Mais informação

Atualizado a 26 /11 /2013. Mais informações visite Private Solutions.

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página.Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: [email protected]

Ver mais resultados
A informação não está correcta?
Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: [email protected]