• Pesquisar
  • Categorias

Diminuição nos rendimentos dos Executivos portugueses

Um estudo revela que os executivos portugueses receberam menos em 2010 mas estima-se que em 2011 os mesmos executivos sejam aumentados entre 0,5% e 1%

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.

Executivos portugueses receberam menos 5% em 2010

Diminuição nos rendimentos dos Executivos portugueses

Foi realizado um estudo a nível salarial pelo Hay Group com o nome "Top Executives 2010", que tomou em consideração 152 empresas privadas e aproximadamente 1.500 executivos.

Os resultados mostraram que estes executivos receberam menos 5% que em 2009, tendo em consideração salário base, bónus, prémios, comissões, distribuição de lucros e benefícios, como o automóvel e o seguro de saúde.

A parte variável terá sido a grande responsável por este resultado, que está directamente relacionada com a impossibilidade de cumprir os objectivos dos negócios, objectivos estes que não foram cumpridos devido à situação financeira que se vive actualmente.

A componente variável do salário tem exactamente a função de partilhar o risco e "alinhar a recompensa dos principais decisores com a performance da empresa", segundo Rui Luz do Hay Group.

Outra conclusão do estudo é que em 2011 os gestores de topo vão assistir a um aumento no seu salário base entre 0,5% e 1%, no entanto, quanto mais alta a hierarquia, menor será o aumento do executivo.

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: [email protected]