• Pesquisar
  • Categorias

Junte os seus créditos num só.

Sabia que o crédito consolidado lhe permite uma folga orçamental até 70%?Recupere a sua estabilidade financeira. 

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.

Como fazer um crédito consolidado à medida

Junte os seus créditos num só.
  • Consolidar os seus créditos pode permitir-lhe começar de novo.

Antes de mais, se considera recorrer a um crédito consolidado, deve tentar conhecer a sua situação financeira real. Comece por fazer as suas contas, verificar os créditos que tem e os que já têm prestações vencidas e analise também a sua necessidade de liquidez. Neste momento, muitas empresas de consolidação de crédito já disponibilizam um montante em dinheiro para além do pagamento dos créditos. Este valor é inserido também no bolo total a pagar e serve como alavanca para recomeçar, um novo folêgo.

 

Comece por contactar as empresas financeiras onde tem créditos. Pergunte-lhes se eles têm um plano de consolidação da dívida. Depois de reunir as propostas do (s) seus (s) actual (ais) banco (s) ou financeira (s), faça uma visita à concorrência e veja que soluções financeiras oferecem  e se têm um produto mais adequado ao seu caso. Procure, pesquise, peça ajuda para encontrar o melhor negócio para si: nesta altura não pode facilitar até encontrar a solução de crédito consolidado mais adequada ao seu caso.

 

Crédito consolidado - a melhor opção

 

Depois de ter esgotado todas as possibilidades, inicie então o pedido de crédito. A empresa financeira vai ajudá-lo a escolher quais cartões de crédito e empréstimos deverá incluir neste crédito consolidado. Preste atenção a todos os custos que este processo vai ter: isso inclui custos de abertura, juros e taxas, custos de encerramento e as implicações fiscais. Há instituições que têm soluções bastante atractivas para a obtenção do empréstimo, dependendo também do seu relatório de crédito.

 

Importante também é calcular o custo total do empréstimo. Assim, multiplique o pagamento mensal pelo número de meses do empréstimo e depois adicione as taxas. Veja se os números batem certo. Se não, investigue a diferença.

 

Crédito consolidado - atenção às letras pequeninas dos contratos

 

Finalmente, leia o contrato de empréstimo palavra por palavra. Certifique-se a taxa de empréstimo é a mesma que tinha acordado durante o processo de candidatura. Se não for, não perca tempo e esclareça todos os pontos: nesta altura ainda pode recusar. Se tudo lhe parecer bem, então assine os papéis do crédito e recomece a sua vida financeira. O crédito consolidado pode ser mesmo o que precisava para recuperar a sua estabilidade.

 

No Meu Portal Financeiro encontra um simulador gratuito para que possa analisar cuidadosamente a sua necessidade de crédito. 

 

Leia também:

Crédito consolidado permite-lhe folga orçamental até 70% »

Como lidar com insolvência pessoal? »

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: [email protected]