• Pesquisar
  • Categorias
  • Registar
  • Login

Nada muda para o cliente final. Mas as ambições são grandes para a NOS

Há muito tempo falada, a fusão entre a Optimus e a ZON vem criar a NOS, o segundo maior operador de telecomunicações em Portugal. Uma marca que promete dar que falar.

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.
Simulação das melhores taxas para Crédito Pessoal!

Simulação das melhores taxas para Crédito Pessoal!

Em menos de 1 minuto, gratuito e sem compromisso.

12
96

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por meuportalfinanceiro.com e pelos nossos Parceiros
SIMULAR

Fusão entre Zon e Optimus cria NOS mas o que muda para nós?

Nada muda para o cliente final. Mas as ambições são grandes para a NOS
  • Subida da quota de mercado em 5 p.p.
  • Alargamento da oferta 4play
  • Criação do segundo maior operador de telecomunicações

Mais do que uma nova marca "é um novo operador", afirma Miguel Almeida, presidente da Comissão Executiva Zon Optimus.


Na apresentação oficial da nova marca que traça a fusão entre a Zon e a Optimus, Miguel Almeida sublinhou que o "principal objectivo é o crescimento no mercado doméstico", quer residencial quer empresarial, onde se prevê um aumento da quota de mercado em cinco pontos percentuais ao longo dos próximos cinco anos, ou seja, até aos 30%.

"Achamos que a Zon Optimus tem uma posição privilegiada e queremos transformar isso em crescimento de quota de mercado. Esse será o nosso maior objectivo e a nossa estratégia futura", afirmou.

Como estratégia de expansão, a Zon Optimus pretende acelerar e promover esta junção, nomeadamente alargando o '4play' às ofertas de todos os segmentos de mercado.

O gestor Miguel Almeida referiu ainda que a nova marca se adequa na perfeição aos mercados internacionais referindo que a "joint venture" Zap, em África, não mudará de designação. No entanto, em breve a nova marca irá expandir-se a novos mercados, apostando assim na sua internacionalização.

"Temos a ambição de crescer noutros mercados, mas para já o nosso foco é o mercado português", afirmou Miguel Almeida.


De referir ainda que, da convergência destas duas empresas, surgirá a segunda maior empresa do sector das telecomunicações. Tal facto levou já a Portugal Telecom (PT), a Vodafone e a Cabovisão a apresentarem-se junto da Autoridade da Concorrência como contra-interessadas na operação (activos de voz fixa e móvel, Internet e televisão).

Apesar das ambições, a fusão e criação da NOS não irá trazer grandes consequências para os clientes no imediato. Eventualmente poderá originar uma maior concorrência e trazer os preços para baixo, mas ainda é cedo para perceber qual será a estratégia da nova NOS.
Maria Garcês
fusão entre Zon e Optimus cria NOS mas o que muda para nós? - Dúvidas e Questões

Maria Garcês Comentado há 12 months 2 years

Partilhe com a comunidade do Meu Portal Financeiro as suas dúvidas ou opinião.

Receber notificações por email sobres deste tópico?

» Comentar agora! »

Outras respostas: (0)

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: info@meuportalfinanceiro.pt