• Pesquisar
  • Categorias
  • Registar
  • Login

Seguro de saúde: Muito mais do que um produto

Ter um seguro de saúde, hoje, é ter uma garantia de que terá acesso aos melhores cuidados de saúde a um preço reduzido.

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.
Sistema de Alarmes para sua Casa

Sistema de Alarmes para sua Casa

Solicite o seu orçamento gratuito e proteja o que lhe é mais precioso

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por meuportalfinanceiro.pt
Enviar

Quanto custa não ter um seguro de saúde?

Seguro de saúde: Muito mais do que um produto
  • Conheças as vantagens de ter um seguro de saúde.

 

 

Sistema Nacional de Saúde vs Seguro de Saúde

 

Apesar de termos um Serviço Nacional de Saúde (SNS) de qualidade, a verdade é que o atendimento é cada vez mais lento e os preços são cada vez mais elevados.

 

Por exemplo, uma simples ocorrência de urgência é taxada, no SNS, a 20€. No entanto, se possuir um seguro de saúde, essa consulta poderá ficar por 15€. Só aqui, o utente já está a poupar.

 

No entanto, a poupança não se mede apenas em euros, mas também em tempo. Se o seu episódio de urgência for considerado pouco urgente, prepare-se para uma espera superior a 2 horas num qualquer hospital público, algo que não acontece num hospital privado já que as consultas têm um tempo médio de espera de 30 minutos.

 

Consultas de especialidade

 

Apesar de ter sido implementado o sistema da Consulta a Tempo e Horas no SNS, a verdade é que para obter uma consulta de especialidade através de referenciação do Médico de Família poderá ter que esperar mais de três meses, dependendo do grau de urgência da consulta.

 

Por outro lado, se tiver um seguro de saúde poderá facilmente:

Quase todas as especialidades disponíveis

Facilidade de acesso às consultas

Prazos reduzidos

 

E porque, para nós, os nossos problemas de saúde são sempre urgentes, a verdade é que esperar um mês que seja por uma primeira consulta de especialidade pode representar um verdadeiro problema.

 

Quanto custa uma consulta de especialidade?

 

Uma consulta de especialidade no SNS tem um custo de 5€, ao passo que com um seguro de saúde pagará, em média, 15€. Um valor que compensa largamente devido ao prazo de espera.

 

Uma dica: A CUF, um dos maiores grupos de saúde privado, disponibiliza agora o sistema de marcação de consultas online. Este sistema permite-lhe visualizar, em tempo real, os dias e horas disponíveis para a marcação de consulta de especialidade que pretende. Mais um benefício para quem possui um seguro de saúde.

 

Insolvência e Saúde

 

O desemprego é uma das maiores causas de insolvência, actualmente, mas a verdade é que as despesas com saúde têm sido também apontadas como um dos responsáveis para a insolvência pessoal ou familiar.

 

São muitas as pessoas que penhoram o presente em troca de um futuro mais saudável e doenças como o cancro, por exemplo, podem ser autênticas bombas financeiras já que o tratamento implica, muitas vezes, gastos de imensa monta, mesmo para quem é seguido no Serviço Nacional de Saúde.

P. Mas os doentes com cancro não são isentos?

R. Sim, é verdade. Os doentes com cancro são isentos de taxas moderadoras e os tratamentos são gratuitos. No entanto, existem outros custos que devem ser tidos em conta.

 

Por exemplo, um doente com cancro que viva no Marco de Canavezes, por exemplo, só tem acesso a cuidados médicos no Porto e isso implica deslocações constantes ou mesmo deslocalização do utente para o Porto.

 

P. Mas isso leva a uma situação de insolvência pessoal?

R. Depende da situação. Mas também é preciso perceber que doenças como esta pode levar ao desemprego involuntário de ambos os membros do casal. Um por doença e outro por acompanhamento do doente, implicando a falência da família.

P. O seguro de saúde resolveria esta questão?

R. Tendo em conta que existem uma série de custos associados, como por exemplo a medicação não comparticipada totalmente ou um tratamento inovador e fora do país, sim. Facilmente é possível afirmar que um seguro de saúde completo poderá prevenir a insolvência pessoal ou familiar na medida em que comparticipa parte dos tratamentos, da hospitalização e da medicação necessária em caso de doença grave.

 

Sabia que...

 

Existem cerca de 20 mil mortes/ano por falta de seguro de saúde?

7,4% da população recorre ao médico apenas 2 a 3 vezes por ano?

Uma família suporta apenas 12% das consultas por ano?

30% dos adultos sem seguro são mais vezes hospitalizados?

As idas aos médicos custam 40% mais do que a mensalidade média do seguro de saúde?

 

Leia também:

Como comparar seguros de saúde? » 

Qual é o melhor seguro de saúde? »  

Maria Garcês
quanto custa não ter um seguro de saúde? - Dúvidas e Questões

Maria Garcês Comentado há 19 days 4 months 3 years

Partilhe com a comunidade do Meu Portal Financeiro as suas dúvidas ou opinião.

Receber notificações por email sobres deste tópico?

» Comentar agora! »

Outras respostas: (0)

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: info@meuportalfinanceiro.pt