• Pesquisar
  • Categorias
  • Registar
  • Login

Pouca coisa muda. Mas tenha cautela no aconselhamento…

A privatização dos CTT foi um sucesso e não terá grande impacto na intermediação dos certificados de aforro.

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.
Investimentos mais rentáveis: saiba onde o seu dinheiro vale mais!

Investimentos mais rentáveis: saiba onde o seu dinheiro vale mais!

Compare os Investimentos com as taxas mais competitivas do mercado!

SIMULAR

O que muda nos certificados de aforro com a privatização dos CTT?

Pouca coisa muda. Mas tenha cautela no aconselhamento…
  • Os aforradores têm relação com o Estado
  • Privatização aumenta solidez dos CTT
  • Nada muda para os aforradores
Muito se tem falado sobre a privatização dos CTT que é, como sabemos, a entidade que comercializa os produtos de aforro do Estado, como sendo os Certificados de Aforro ou os Certificados do Tesouro Poupança mais. Uma das preocupações dos aforradores portugueses é saber o que vai acontecer aos seus certificados de aforro?

Certificados de Aforro são títulos de dívida do Estado


Como saberá, ao subscrever um Certificado de Aforro o que está a fazer é a emprestar dinheiro ao Estado. Apesar dos CTT poderem ser os intermediários da operação (possivelmente nunca pensou nisso, mas neste caso os CTT são como um banco!), o seu risco está com o Estado Português. Por outras palavras, nada irá acontecer com os seus certificados.

Vai mudar alguma coisa?


O processo de privatização já foi concluído há vários meses e quem comprou ações dos CTT estará certamente muito satisfeito com a sua evolução. Os CTT são uma empresa muito credível e eficiente. Apesar do acionista único ter deixado de ser o Estado, esse facto não retirou a solidez aos CTT.

Mantendo-se ou reforçando-se a sua imagem de solidez, é também mantido o contrato de intermediação que o Estado tem com a empresa. Assim, os CTT irão continuar a intermediar a compra e resgate dos Certificados de Aforro e dos Certificados de Tesouro Poupa Mais.

Sendo certo que os CTT continuarão com a possibilidade de vender estes produtos, o mesmo não significa que irão fazer tudo para lhe venderem este produto. É natural que a sua agressividade comercial seja alterada, de modo a tentarem vender outro tipo de produtos onde vão buscar margens superiores às conseguidas com o Estado. Aliás, alguns estudos e testes-mistério foram feitos e comprovaram que a prioridade tem passado mais por seguros de capitalização

Com ou sem privatização, o certo é que os juros dos Certificados de Aforro não param de aumentar, sendo que a tendência de subida deve continuar por mais algum tempo. Pelo menos até se saberem novidades sobre os programas de estímulo à economia por parte do BCE.

Leia também
Maria Garcês
o que muda nos certificados de aforro com a privatização dos CTT? - Dúvidas e Questões

Maria Garcês Comentado há 24 days 4 months 3 years

Partilhe com a comunidade do Meu Portal Financeiro as suas dúvidas ou opinião.

Receber notificações por email sobres deste tópico?

» Comentar agora! »

Outras respostas: (0)

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: info@meuportalfinanceiro.pt