• Pesquisar
  • Categorias
  • Registar
  • Login

Dobro das pessoas entregam casas aos bancos

Os bancos estão a aceitar mais casas para o pagamento dos créditos. Conheça alguns perigos e alternativas

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.
Simulação das melhores taxas para Crédito à Habitação!

Simulação das melhores taxas para Crédito à Habitação!

Em menos de 1 minuto, gratuito e sem compromisso.

0
0

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por meuportalfinanceiro.com e pelos nossos Parceiros
SIMULAR

Entrega de casas aos bancos duplicou no final do ano

Dobro das pessoas entregam casas aos bancos
  • Aumento do incumprimento das famílias
  • Maior abertura dos bancos à negociação
São cada vez mais os casos conhecidos de familiares ou amigos confrontados com a perda da casa por impossibilidade de pagamento dos seus créditos. São os resultados mais visíveis do elevado nível de endividamento das famílias e do impacto da austeridade no rendimento disponível das pessoas.

No caso do crédito habitação, as consequências do não pagamento são muito graves, como a perda rápida da própria habitação.

O que fazer, então, para evitar que as dívidas se tornem um problema insustentável?

Dação em Cumprimento


A possibilidade de entrega de casa ao banco para fazer face ao pagamento de uma dívida é chamada dação em cumprimento.

Sendo uma possibilidade, o certo é que o banco só aceita a casa se quiser. Naturalmente que só o irá fazer se for vantajoso para o banco. E sendo vantajoso para o banco, nem sempre o é para o seu cliente.

Assim, é justificável que os últimos dados apontem para que um reduzido número de entregas de casa tenha liquidado por completo a dívida:

  • A pessoa fica sem a casa ...
  • ... mas continua a pagar um crédito com as mesmas características do antigo, mas sobre um montante inferior

Que outras alternativas existem?


No caso de se estar em dificuldades para pagar as prestações do crédito, a primeira alternativa deve ser pedir ajuda:

Consolidação de créditos


Conhecido como "juntar os créditos todos num só", a consolidação de créditos pode ser uma alternativa interessante para reduzir os encargos mensais. Poderá implicar pagar mais juros ao longo do contrato, mas pelo menos garante-se que se consegue suportar o crédito.

Renegociação de créditos


Através da alteração de algumas variáveis do crédito (como a taxa de juro ou o prazo) é possível que a prestação se reduza significativamente (em alguns casos mais de 50%).

Novo crédito pessoal


É possível contratar um crédito pessoal para pagar as dívidas dos cartões de crédito e outros de muito curto prazo (como a conta ordenado). Nestes casos, garante-se que se irá amortizar a dívida e, bem negociado, com taxas de juro bem mais interessantes.

Leia também
Maria Garcês
entrega de casas aos bancos duplicou no final do ano - Dúvidas e Questões

Maria Garcês Comentado há 7 days 5 months 2 years

Partilhe com a comunidade do Meu Portal Financeiro as suas dúvidas ou opinião.

Receber notificações por email sobres deste tópico?

» Comentar agora! »

Outras respostas: (0)

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: info@meuportalfinanceiro.pt