• Pesquisar
  • Categorias
  • Registar
  • Login

Se souberem a importância do dinheiro, as crianças darão mais valor.

As crianças ficam fascinadas com qualquer brinquedo e por isso têm muita tendência a pedir para os pais comprarem muita coisa, e nessas alturas é quando assistimos a grandes espetáculos nos supermercados e centros comerciais, pois as crianças não sabem aceitar o "NÃO". Ainda não sabem o que é poupar.

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.
Simulação das melhores taxas para Crédito Pessoal!

Simulação das melhores taxas para Crédito Pessoal!

Em menos de 1 minuto, gratuito e sem compromisso.

12
96

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por meuportalfinanceiro.com e pelos nossos Parceiros
SIMULAR

Como poupar com a Cláudia: Ensinar as crianças a poupar

Se souberem a importância do dinheiro, as crianças darão mais valor.
  • Quem tem filhos, sabe que para criar uma criança é necessário muito dinheiro, primeiro as fraldas, depois os brinquedos, os livros escolares...

As crianças ficam fascinadas com qualquer brinquedo e por isso têm muita tendência a pedir para os pais comprarem muita coisa, e nessas alturas é quando assistimos a grandes espetáculos nos supermercados e centros comerciais, pois as crianças não sabem aceitar o "NÃO".

 

Penso que desde cedo, as crianças devem ser alertadas para o que é o dinheiro, de onde vem, quanto vale e como geri-lo. Se souberem a importância do dinheiro, darão mais valor.

 

Comece por explicar aos seus filhos que para ter dinheiro necessita de trabalhar, no caso das crianças pode dar-lhe uma semanada ou mesada, sendo um valor justo pela idade, por exemplo 2€ por semana (a uma criança de 6 anos), e deixe-os gastar naquilo que quiserem, provavelmente o dinheiro que juntou durante o mês, será gasto na primeira compra, mas isso irá mostrar-lhe em como deve ponderar bem onde o vai gastar. Esta é uma boa opção para aprenderem a escolher, e com o passar do tempo, pode ir incentivando uma ou outra compra.

 

Quando for ao supermercado, explique-lhe antes, que só tem por exemplo 30€ para gastar e se ultrapassar esse valor, já não poderão trazer mais artigos, mais uma vez, estará a reforçar a ideia de que deve ponderar o que comprar. Ofereça um mealheiro como prenda, é uma boa maneira de conseguir juntar algum dinheiro para algo que queira comprar com valores mais elevados. Assim, irá perceber que para comprar aquele brinquedo que está na moda, tem de juntar dinheiro antes. Vá controlando, até reunir o dinheiro necessário, depois abra o mealheiro junto da criança e dê-lhe o dinheiro, assim sentirá o peso da responsabilidade e o orgulho do dinheiro que conseguiu amealhar. Se tiver oportunidade, faça jogos didáticos, como o Monópolio que o ajudará a perceber como funciona a mecânica do dinheiro, poderá também fazer uma visita à Kidzania, em Lisboa, onde as crianças, trocam euros por Kidzos e têm de geri-lo em todo o percurso, e caso o gastem, podem sempre "trabalhar" para ganhar mais.

 

Outra coisa que poderá fazer, é ensinar os seus filhos a fazer os trocos, não só o estimula como ajudará na matemática. Quanto mais cedo, incutir a responsabilidade de gerir do dinheiro às crianças, mais conscientes serão no futuro.

 

Quando tiver de dizer, "NÃO", não diga apenas por dizer, explique-lhe o motivo e pode também dizer por exemplo que gostava muito de comprar uns sapatos novos mas que como o dinheiro não chega, não poderá comprar. Não se esqueça que se uma criança for ensinada desde pequena a gerir o dinheiro, mais ponderada e consciente será no futuro.

Maria Garcês
como poupar com a Cláudia: Ensinar as crianças a poupar - Dúvidas e Questões

Maria Garcês Comentado há 10 days 5 months 2 years

Partilhe com a comunidade do Meu Portal Financeiro as suas dúvidas ou opinião.

Receber notificações por email sobres deste tópico?

» Comentar agora! »

Outras respostas: (0)

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: info@meuportalfinanceiro.pt