• Pesquisar
  • Categorias
  • Registar
  • Login

Medidas adequadas à nova situação económica!

Além dos postos de combustível a baixo custo já existentes nos hipermercados e operadores independentes, agora também a Galp decidiu dar o 1º passo no posto low-cost.

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.
Seguro Automóvel à medida do seu carro...e do seu bolso!

Seguro Automóvel à medida do seu carro...e do seu bolso!

Compare os melhores LowCost de Luxo. Grátis e sem compromisso.

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por meuportalfinanceiro.com e pelos nossos Parceiros
SIMULAR

Combustível: Galp aposta no low-cost

Medidas adequadas à nova situação económica!

Para já é um projecto-piloto desenvolvido em Setúbal, no entanto, se der certo irá alargar-se a outras zonas do país. Esta é uma iniciativa que pretende competir com os postos existentes nos hipers e outros operadores independentes, os quais todos juntos já possuem 1/4 do mercado.

A diferença de preços entre os postos de marca e as gasolineiras dos hipermercados está relacionada com o facto de nestes últimos o combustível não levar nenhum aditivo.Tal não significa mais ou menos qualidade do combustível, até porque todos os postos devidamente licenciados comercializam combustíveis com a qualidade mínima exigida pelas normas europeias e portuguesas. Agora, é óbvio que o combustível com aditivos, melhora o desempenho do motor e assegura uma maior longevidade.

O preço baixo também está relacionado com o facto de uma gasolineira de baixo custo não disponibilizar serviços adicionais, que é o caso das lojas de conveniência, pelo que também por si só permite-lhes praticar preços mais baixos.

Além disso, o investimento inicial, necessário para um posto num hipermercado é bem mais reduzido do que num posto de marca, desde o custo do terreno; até à estrutura, uma vez que não tem loja, espaço de lavagem, tem, portanto uma estrutura muito mais simples; assim como os custos com pessoal que também são bem menores.

Outra razão fundamental para esta disparidade de preços reside no facto de os hipermercados apresentarem estes custos reduzidos como uma estratégia para cativar os clientes para o seu negócio fulcral - distribuição alimentar. Por isso conseguem sobreviver ganhando estas margens reduzidas, já que compensam na sua actividade principal.

Consciente das alterações do mercado, motivado pela crise, em que os consumidores procuram preços baixos, pois é a única forma de sobreviver com tantas despesas que o automóvel proporciona - seguro, crédito - para quem solicita um empréstimo, inspecção, revisão; etc, a Galp também vai se estrear nestas andanças com a Galp Base, que também vai comercializar combustíveis sem qualquer aditivo.

O Automóvel Clube de Portugal (ACP) reagiu positivamente a esta novidade, uma vez que sempre foi contra os preços tão altos praticados no nosso país, sendo este o 2º país da UE onde os combustíveis são mais caros antes de impostos.

A Cepsa e a Repsol, apesar de ainda não terem aderido ao low-cost, estão atentas a estas iniciativas e garantem que vão acompanhar a evolução das mesmas.

É bom referir que os hipermercados Jumbo, Os Mosqueteiros, Pingo Doce e Leclerc detêm já 15% do mercado e apresentam preços 10 a 12 cêntimos mais baixos que os postos de marca, mas também convém mencionar que no outros postos, os consumidores também usufruem de descontos e dessa forma a diferença de preços não é assim tão significativa. Ora porque têm cartão de cliente, ou parcerias com determinadas entidades, também se consegue beneficiar de descontos nas ditas gasolineiras de marca, ficando, ao critério do cliente essa opção.

Maria Garcês
combustível: Galp aposta no low-cost - Dúvidas e Questões

Maria Garcês Comentado há 4 days 5 months 2 years

Partilhe com a comunidade do Meu Portal Financeiro as suas dúvidas ou opinião.

Receber notificações por email sobres deste tópico?

» Comentar agora! »

Outras respostas: (0)

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: info@meuportalfinanceiro.pt