• Pesquisar
  • Categorias
  • Registar
  • Login

Artistas circenses entre os mais arriscados

Dois trapezistas ficaram gravemente feridos, depois de cairem de uma altura de perto de 6 metros de altura enquanto apresentavam o seu espectáculo do Circo Royal, no domingo à tarde em Almeirim perante uma audiência de cerca de 50 pessoas, incluindo crianças. Ainda estão a ser investigadas as causas do acidente e se estavam a ser seguidas as devidas normas de segurança.

Os cookies permitem-nos optimizar os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, concorda com a nossa política de utilização de cookies. Saiba mais.

Sim, aceito.
Encontre as melhores soluções do mercado em  Seguros!

Encontre as melhores soluções do mercado em Seguros!

Rápido » 100% gratuito » Sem compromisso »

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por meuportalfinanceiro.com e pelos nossos Parceiros
SIMULAR

Acidente de trabalho - Profissão de risco

Artistas circenses entre os mais arriscados

 

Tudo aconteceu no passado dia 29, domingo à tarde, em Almeirim em que no decorrer do espectáculo no Circo Royal, dois trapezistas, um de 35 e outro de 58 anos cairam de uma altura de 6 metros, ficando os dois bastante feridos e para já internados no Hospital de Santarém.

Um dos artistas terá escorregado acidentalmente no decorrer de um número que consistia em cada um dos trapezistas se equilibrar nas extremidades de uma escada que estava suspensa por um cabo de aço a 6 metros de altura, levando ao desiquilibrio do outro.

Para já quem exige cuidados reforçados é o Sr. Carlos Ferreira de 58 anos que foi operado à bacia e à anca. Já Paulo Costa, de 35 anos que é aliás o proprietário do circo ficou com uma fractura no pulso e um traumatismo craniano.

A GNR que investiga o caso e avalia se o espectáculo decorria de acordo com as normas de segurança, afirma que este acontecimento é considerado um acidente de trabalho e como tal, cabe à seguradora investigar a causa deste acidente.

Para que estas actividades de diversão se realizem como é o caso das actividades circenses é obrigatório terem um seguro de acidentes pessoais e de responsabilidade civil.

Após o acidente, que causou o pânico no público, principalmente por estarem presentes crianças, e por não existir nenhum colchão ou rede de protecção, o espaço foi evacuado e ocupado pelos bombeiros de Almeirim, GNR e uma equipa do INEM.

 

Maria Garcês
acidente de trabalho - Profissão de risco - Dúvidas e Questões

Maria Garcês Comentado há 4 days 5 months 2 years

Partilhe com a comunidade do Meu Portal Financeiro as suas dúvidas ou opinião.

Receber notificações por email sobres deste tópico?

» Comentar agora! »

Outras respostas: (0)

Estimado usuário, por favor verifique a sua situação económica antes de assumir qualquer compromisso com os nossos parceiros. O Meu Portal Financeiro apenas disponibiliza e actualiza informação financeira, não sendo responsável pelos produtos apresentados. O conteúdo está actualizado até à data mostrada em cada página. Se quiser fazer alguma actualização, por favor envie-nos a sua sugestão para: info@meuportalfinanceiro.pt